COMO VIVER SEM MULTAS

Dicas para você nunca mais ter que se preocupar com as multas:

01) Antes sair dirigindo verifique se a documentação do veículo está certa e se sua habilitação não está vencida. Os documentos de porte obrigatório são a Habilitação (CNH), o Certificado de Registro e Licenciamento Anual (CRLV) com timbre do seguro obrigatório pago (ou slip do banco anexo) e o IPVA (Resolução Contran 13/98).

02) Rotineiramente verifique as luzes do veículo; faróis dianteiros e traseiros, piscas e luz de ré.

03) Se alguma luz queimar e você não tiver uma sobressalente retire uma lâmpada da "luz de ré" e use-a para substituir a queimada. "Luz de ré" só necessita ter uma (os veículos saem de fábrica com duas apenas para fins estéticos).

04) Utilize sapatos fechados (tênis e sapatos com cadarço) jamais chinelos Sapato tipo "mocasim" e dirigir descalço é polêmico. Portanto, para evitar problemas, dirija sempre calçado de cadarço.

05) Nunca tire as duas mãos do volante e apenas tire uma quando for operar momentaneamente algum acessório do veículo (som, ar condicionado etc.).

06) O uso de cinto de segurança (nos bancos da frente e nos traseiros) é obrigatório em todo território nacional. As autoridades não têm multado quem não usa cinto de segurança nos bancos traseiros por mera liberalidade.

07) Se você não tiver viva-voz discipline em desligar o telefone celular. Assim você não se sentirá atraído em atender quando ele tocar.

08) Nunca tome bebidas alcoólicas e remédios que produzem sono (p. ex. antigripais, antialérgicos, antidepressivos etc.) antes de dirigir.

09) O mesmo vale para todas as drogas proibidas.

10) Quando for consultar mapas, guias de rua etc., estacione no acostamento ou, melhor, em postos de abastecimento.

11) Preste atenção na sinalização e siga à risca seus comandos.

12) Evite erros de interpretação do agente de trânsito. Não aproveite o sinal amarelo e só pare (em local com proibição para estacionar) realmente se algum passageiro entrar ou sair do veículo.

13) Jamais estacione ou pare em fila dupla, seja qual for o motivo.

14) Marcha-ré só deve ser utilizada para pequenas manobras.

15) Faixas duplas contínuas nunca devem ser atravessadas, mesmo se for para conversão ou estacionar em local do outro lado da via. Imagine que uma faixa dupla contínua (ou simples se a contínua for do seu lado) é uma parede.

16) Ao visualizar um radar e você estiver acima da velocidade permitida, diminua a velocidade gradativamente para evitar colisão traseira e se não der, vá com o devido cuidado (sinalize sempre) para a pista central ou direita da via (vá diminuindo a velocidade com cuidado) e preste mais atenção na sinalização.

17) Esqueça os artifícios para enganar radar; verniz para passar na placa, CD colocado na traseira, placa com excesso de refletivo, fita pendurada etc. Isso só serve para enganar o motorista e não o radar.

18) Jamais adultere a placa de seu veículo com fita escura ou tirando a tinta dos caracteres. As autoridades de trânsito têm como verificar se a placa é adulterada analisando as demais características do veículo (cor, modelo, ano etc.). Placa ilegível ou adulterada gera multa gravíssima e apreensão do veículo.

19) Dispositivos eletrônicos anti-radar só funcionam para radar portátil de rodovia e se tornam obsoletos em alguns meses, já que os radares são re-calibrados rotineiramente. Além do mais, seu uso é proibido e gera multa.

20) Ao ser abordado por uma autoridade de trânsito, mantenha a calma e o respeito. Lembre-se quem é a autoridade. Seja educado e prestativo.

21) Quando for receber uma multa argumente apenas o necessário para explicar sua situação real. Não seja agressivo com a autoridade e jamais ofereça suborno.

22) Se um agente fiscalizador sugerir suborno para não lavrar a multa, diga educadamente que prefere ser multado. Não se esqueça que o pagamento de propina não garante que a multa não seja lavrada.

23) Evite explosões agressivas de revolta contra outros motoristas. Todo mundo erra na direção; fechadas involuntárias, veículos lerdos com motoristas perdidos etc., são comuns. Seja tolerante, um dia você pode ser o culpado.

24) Jamais faça competições informais no trânsito. Via pública não é pista de corrida.

25) O mesmo vale para arrancadas bruscas e "cantadas" de pneus, que também geram multas graves.

26) Não mude as características técnicas de seu veículo. Aumento ou diminuição da suspensão, banda larga etc., só com o aval do DETRAN. Exceto a instalação de turbo-compressor e película escura para vidros.

27) Lugar de criança até 10 anos é no banco de trás. A única exceção é para veículos que só tem dois lugares (pick-up, esportivos de fábrica etc.).

28) Ao pilotar uma moto sempre use capacete na cabeça. O macete de usar capacete no braço e alegar que estava de capacete não funciona mais.

29) O mesmo vale para a garupa.

30) Toda motocicleta deve ter dois espelhos retrovisores (Resolução 14/98 do CONTRAN).

Nenhum comentário: